Vídeo: Indígena preso pede que bolsonaristas não cometam vandalismo

0

Reprodução

Hits: 3

Prisão do cacique Tserere provocou protesto violento de bolsonaristas, com cenas de vandalismo em Brasília

A Polícia Federal (PF) gravou um vídeo do cacique Tserere em que ele pede que os manifestantes bolsonaristas não pratiquem mais atos de vandalismo em Brasília, na noite desta segunda-feira (12/12).

A prisão de Tserere pela PF gerou uma reação violenta de apoiadores de Jair Bolsonaro (PL) contrários ao resultado da eleição e que pedem uma intervenção militar.

“Eu quero pedir que os senhores não venham a fazer conflito, briga ou confronto com a autoridade policial… e venham viver em paz e não pode continuar o que aconteceu, infelizmente, essa destruição de carro, ataque a Polícia Federal”, afirmou o cacique de um grupo do povo Xavante. O vídeo foi gravado nas línguas akwen e português.

Pelo menos dois grupos de manifestantes violentos se espalharam por Brasília e deixaram um rastro de destruição. Esses grupos foram dispersados por equipes da Polícia Militar e da PF.

No entanto, parte dos manifestantes voltaram a se reunir em frente a sede da PF e bloquearam a via, exigindo que a soltura de Tserere.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *