Hits: 50

Foi preso no município de Santa Cruz do Capibaribe na manhã de ontem (10.01) o acusado pelo primeiro homicídio do ano no Pajeú. Policiais civis de São José do Egito, com o apoio de policiais civis de Santa Cruz do Capibaribe e de policiais militares do 24º BPM deram cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva expedido pelo Juízo da Comarca de Itaíba em desfavor do homem com iniciais [E.P.S]. Ele é acusado pela prática dos crimes de homicídio e estupro ocorridos naquele município. O custodiado também é suspeito da prática do crime de homicídio ocorrido no dia 1 de janeiro em São José do Egito, em frente ao Clube do Binhas, mediante disparo de arma de fogo, tipo revólver cal. 38. Gilsimar Luiz Fernando, conhecido por Molezinha, 33 anos, foi morto a tiro na saída do Clube do Binhas. O crime teve características de execução. A primeira informação chegou a dar conta de que ele teria sido atingido por pelo menos três disparos de pistola. Mas a perícia confirmou um tiro de revólver,  apreendido com o acusado.

A partir do citado crime, policiais civis de São José do Egito passaram a investigar o suspeito, vindo a localizá-lo em Santa Cruz do Capibaribe, ocasião em que foi dado cumprimento ao MP e apreendida a arma de fogo em tese utilizada para a prática do homicídio.

Por fim, ele também confessou a prática do crime. Após os procedimentos de praxe, o preso será apresentado em audiência de custódia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *