Hits: 2

O Nordeste brasileiro, mais uma vez, foi determinante na vitória do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições 2022.

 

Não a toa, o presidente eleito reservou uma fala de agradecimento à região durante seu discurso na Avenida Paulista, em São Paulo, na noite deste domingo (30).

 

Dos 60.345.999 votos que recebeu, 42.368.937 votos, foram da região. Lula venceu nos 9 estados do Nordeste. Veja abaixo quantos votos o petista recebeu em cada um dos estados da região:

 

Alagoas (2.325.814 eleitores) – Lula, 58,68%; Bolsonaro, 41,32%;

 

Bahia (11.282.999 eleitores) – Lula, 72,12%; Bolsonaro, 27,88%;

 

Ceará (6.818.192 eleitores) – Lula, 69,97%; Bolsonaro, 30,03%;

 

Maranhão (5.039.307 eleitores) – Lula, 71,14%; Bolsonaro, 28,86%;

 

Paraíba (3.091.719 eleitores) – Lula, 66,62%; Bolsonaro, 33,38%;

 

Pernambuco (7.015.086 eleitores) – Lula, 66,93%; Bolsonaro, 33,07%;

 

Piauí (2.570.253 eleitores)- Lula, 76,86%; Bolsonaro, 23,14%;

 

Rio Grande do Norte (2.554.326 eleitores) – Lula, 65,10%; Bolsonaro, 34,90%;

 

Sergipe (1.671.241 eleitores) – Lula, 67,21%; Bolsonaro, 32,79%.

 

Além dos nove estados do Nordeste, Lula ganhou, em um, do Sudeste, e em três do Norte.

 

Bolsonaro ganhou em três estados do Sudeste, nos três do Sul, em quatro do Norte, e nos quatro do Centro-Oeste. Veja abaixo como foi a votação de Lula e Bolsonaro nas outras regiões:

 

Sudeste

 

Espirito Santo (2.922.264 eleitores) – Jair Bolsonaro, 58,04%; Lula, 41,96%;

 

Minas Gerais (16.284.615 eleitores) – Lula, 50,20%; Bolsonaro, 49,80%;

 

Rio de Janeiro (12.827.044 eleitores) – Bolsonaro, 56,53%; Lula, 43,47%;

 

São Paulo (34.684.876 eleitores) – Bolsonaro 55,24%; Lula, 44,76%;

 

Sul

 

Paraná (8.480.626 eleitores) – Bolsonaro, 62,40%; Lula, 37,60%;

 

Rio grande do Sul (8.589.684 eleitores) – Bolsonaro, 56,35%; Lula, 43,65%;

 

Santa Catarina (5.501.284 eleitores) – Bolsonaro, 69,27%; Lula, 30,73%.

 

Norte

 

Acre (587.765 eleitores) – Bolsonaro, 70,30%; Lula, 29,70%;

 

Amazonas (2.647.123 eleitores) – Lula, 51,10%; Bolsonaro, 48,90%;

 

Amapá (550.131 eleitores) – Bolsonaro, 51,36%; Lula, 48,64%;

 

Pará (6.078.857 eleitores) – Lula, 54,75%; Bolsonaro, 45,25%;

 

Rondônia (1.230.172 eleitores) – Bolsonaro, 70,66%; Lula, 29,34%;

 

Roraima (366.641 eleitores) – Bolsonaro, 76,08%; Lula, 23,92%;

 

Tocantins (1.094.302 eleitores) – Lula, 51,36%; Bolsonaro, 48,64%.

 

Centro-Oeste

 

Distrito Federal (2.207.628 eleitores) – Bolsonaro, 58,81%; Lula, 41,19%;

 

Goiás (4.870.621 eleitores) – Bolsonaro, 58,71%; Lula, 41,29%;

 

Mato Grosso do Sul (1.996.066 eleitores) – Bolsonaro, 59,49%; Lula, 40,51%;

 

Mato Grosso (2.469.797 eleitores) – Bolsonaro, 65,08; Lula, 34,92%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *