Hits: 31

Vítima de feminicídio tinha medida protetiva contra agressor.

Autor do crime está internado sob custódia, em estado grave, no Hospital da Restauração

A delegada da 13ª Delegacia Especializada em Atendimento a Mulher (13ª DEAM), Andreza Gregório, informou neste sábado (4) ao programa Rádio Vivo da Rádio Pajeú, que a vítima do feminicídio ocorrido na noite desta sexta-feira (13), na Rua Cirene de Lima Alves, no São Brás, Afogados da Ingazeira, tinha uma medida protetiva contra o agressor.

A delegada também informou que o agressor, um homem de 33 anos, identificado como Ivan Souza, encontra-se no Hospital da Restauração, custodiado pela Polícia Militar. Ele teve a prisão em flagrante. Como o blog informou ainda na noite de ontem, seu estado é gravíssimo.

O crime – na noite desta sexta-feira (3), Luana dos Santos Veras, idade ainda não revelada, foi vítima de feminicídio, dentro de sua casa na Rua Cirene de Lima Alves, no São Brás.

O autor, seu ex-marido, um homem de 33 anos, após assassinar Luana e tentar matar o sobrinho dela, Liedson Hiago Veras, 20 anos. Tentou se suicidar com um tiro no ouvido.

O autor foi socorrido pelo SAMU e levado ao Hospital Regional Emília Câmara (HREC). Ele foi intubado e algumas horas depois, transferido para o Hospital da Restauração no Recife. Seu estado é gravíssimo.

O sobrinho de Luana foi socorrido pela Polícia Militar, ao HREC, onde deu entrada com um tiro no tórax. Ele recebeu um dreno, estava lúcido, consciente e orientado, mas em estado grave. Ele foi transferido para o Hospital Regional do Agreste em Caruaru.

Fonte: Blog do Nill Júnior

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *