Homem de Pernambuco diz a esposa que foi sequestrado e é encontrado em motel na Paraíba

0

Hits: 460

Um homem, que mora em Recife, capital de Pernambuco, forjou o próprio sequestro para a esposa e foi encontrado em um motel em Cabedelo, na Grande João Pessoa, um dia após informar pela última vez o local em que estava. O caso aconteceu no inicio de outubro e ganhou repercussão, nesta terça-feira (17), por conta de um vídeo divulgado por um policial que participou da ação que localizou o homem.

De acordo com informações da Polícia Militar, o homem foi encontrado sozinho em uma das cabines de um motel na cidade do litoral paraibano.

Segundo o tenente Afonso, da PM, autor do vídeo e que estava na operação para localizar o homem na Paraíba, o pernambucano é motorista por aplicativo e aceitou uma viagem da cidade de Jaboatão dos Guararapes, em Pernambuco, para João Pessoa, no dia 2 de outubro. Às 22h do mesmo dia, ele informou a esposa que estava sendo sequestrado.

Duas horas depois da primeira comunicação, o homem disse para a companheira que já havia sido liberado do sequestro e que o carro que dirigia havia sido roubado pelos sequestradores. Depois disso, não houve mais contato entre o marido e a mulher.

Devido toda a história que o homem contou, a esposa acionou a polícia, que conseguiu verificar a última localização através de rastreamento pelo celular. O local em que o homem estava era um motel.

Também de acordo com informações do tenente Afonso, uma operação foi montada pela polícia para encontrar o homem. No dia seguinte, em 3 de outubro, a polícia chegou no lugar e fez um contato inicial com o homem pelo celular. Ele concordou em abrir a porta e a polícia constatou que tudo foi forjado.

O homem não disse os motivos que levaram ele a criar a história para a mulher. Ele ainda foi encaminhado para a delegacia de Cabedelo, autuado por falsa comunicação de crime e posteriormente assinou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e foi liberado.

About Author

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *